sábado, 23 de julho de 2011

Dia de luto para a música

    Foi hoje anunciada a morte de Amy Winehouse.

    Pouco há a dizer para circunstâncias em que a morte acontece quase mais por opção do que por inevitabilidade.
   O certo é que a música está de luto e, assim, me lembrei de registar o título de uma das suas canções: "Back to Black": pelo preto de um passado que, tendo cor, já só tem lugar na memória que o tempo acabará por fazer dissipar; pelo preto de um luto que, culturalmente, muitos assumem como cor de tristeza e pesar; pelo preto que se fazia rever numa voz que nos relembrava o soul, o jazz, o som da motown (que a cultura negra soube enriquecer).

     
BACK TO BLACK

He left no time to regret
Kept his dick wet with his same old safe bet
Me and my head high
And my tears dry, get on without my guy
You went back to what you knew
So far removed from all that we went through
And I tread a troubled track
My odds are stacked, I'll go back to black

We only said goodbye with words
I died a hundred times
You go back to her
And I go back to
I go back to us

I love you much
It's not enough, you love blow and I love puff
And life is like a pipe
And I'm a tiny penny rolling up the walls inside

We only said goodbye with words
I died a hundred times
You go back to her
And I go back to

Black, black, black, black
Black, black, black...
I go back to
I go back to

We only said goodbye with words
I died a hundred times
You go back to her
And I go back to
We only said goodbye with words
I died a hundred times
You go back to her
And I go back to ... black

     Há músicas que se revelam autênticas situações prenunciadoras.
    As reacções de pesar podem não ser tão fortes quanto a tragédia e o horror que marcam os mais recentes dias do povo norueguês; mas a tristeza é inevitável, por se ver uma só vida fatalmente desaparecida (e destruída) aos 27 anos, quando muito ainda podia revelar (pelas potencialidades que anunciava na sobriedade).

     Mais do que "Love is a losing game", ficou esquecida a ideia de que a vida também pode ser um jogo falhado (particularmente quando há algo que, segundo o título de uma outra das suas canções, é "Stronger than me").

Sem comentários:

Publicar um comentário